Logomarca IETEC

Buscar no TecHoje

Preencha o campo abaixo para realizar sua busca

:: Meio Ambiente

De olho no meio ambiente

Mazarelo Carneiro de Miranda

Consultora do Sebrae - MG

Nos últimos anos temos deparado com o desaparecimento das florestas em todo o mundo. A devastação florestal proveniente das diversas atividades do homem e do mau uso das florestas contribui para que desenvolvamos uma consciência ambientalista em relação ao uso indevido das florestas do planeta, fomentando assim a certificação de produtos florestais.

Proteger as florestas, "Patrimônio Mundial", é uma responsabilidade que mostra a importância da certificação florestal. A certificação de florestas, através dos princípios definidos pelo Forest Stewarship Council - FSC - (Conselho de Manejo Florestal), vem sendo utilizado efetivamente no Brasil a partir de 1997. O FSC, atualmente o selo verde de maior credibilidade internacional em matéria florestal.Este selo é a garantia de que a origem da madeira ou produto é de floresta bem manejada, ou seja, ecologicamente adequada, socialmente justa e economicamente viável, garantindo e orientando ao consumidor que o produto seguiu princípios ambientais com vistas a reduzir e mitigar a não degradação do meio ambiente.

A certificação florestal além de melhorar a imagem institucional das empresas fornece a estas, instrumentos de desenvolvimento e mecanismos de prevenção à poluição e contribuição para atuar proativamente nas alterações climáticas.Um destes mecanismos oferece meios para a captação de carbono da atmosfera nos chamados Clean Development Mechanism-CDM (Mecanismo de Desenvolvimento Limpo), que é tratado no Protocolo de Quioto - Acordo Internacional para tratar das alterações climáticas do Planeta. Um dos mais promissores mecanismos de captação de carbono (CO2) "seqüestro de carbono", é o manejo florestal sustentável, identificado pela certificação florestal.

Utilizando produtos certificados, confirmamos que é viável a adoção de práticas responsáveis na conquista do desenvolvimento sustentável. É fundamental que o desenvolvimento seja equilibrado, baseado em transformações progressivas na economia e na sociedade. Assim para se alcançar desenvolvimento sustentável é imperativo que todos possam ter suas necessidades básicas atendidas, novas oportunidades e uma perspectiva de vida melhor sem o comprometimento dos recursos naturais para as futuras gerações.

Este novo paradigma, o do "Desenvolvimento Sustentável", pode ser denominado como uma visão holística do mundo, uma visão ecológica, na qual o reconhecimento de que os problemas ambientais não podem ser entendidos isoladamente, ao contrário, estão intrinsecamente interligados. Esta transposição para se alcançar o paradigma atual exige mudanças de valores; a conscientização urgente depende não só do despertar de cada um, mas da educação que os indivíduos recebem e deverá ser praticada por toda a sociedade, empresas e governo, para que desta forma possamos avançar e adquirir atitudes saudáveis e de respeito para com a vida no planeta, o meio, ambiente no qual vivemos.

O despertar para a conscientização ambiental advém do fato do homem perceber que vivemos em um planeta, onde os recursos naturais são finitos. A crise mundial em andamento, perante a constatação da contínua degradação de nossos recursos naturais, a busca do desenvolvimento e da tecnologia de ponta, provoca a escassez de alguns destes recursos levando-nos a constatar os reflexos dos impactos negativos. Adotar práticas responsáveis, favoráveis à questão ambiental em busca do desenvolvimento sustentável com a utilização de novas tecnologias é hoje uma questão de sobrevivência, uma exigência com sentido de responsabilidade com o futuro do planeta e das futuras gerações.

Buscando atender clientes cada vez mais exigentes, deveremos nos preocupar com as questões ambientais, com a qualidade e em adquirir produtos que poluam menos durante o seu ciclo de vida, considerando-se as etapas de fabricação, utilização e o descarte final.
Desta forma, devemos estar sempre conscientes em utilizar produtos que obtenham um certificado de origem florestal ou "selo verde", comprovando assim seus benefícios ambientais.

Texto extraído da monografia: Certificação Ambiental de Produtos Florestais e Perspectiva de Mercado para a Indústria Moveleira./Abril-2001

Indique este artigo a um amigo

Indique o artigo