Logomarca IETEC

Buscar no TecHoje

Preencha o campo abaixo para realizar sua busca

Gestão

Programa de conscientização e educação ambiental para funcionários e comunidade

Laura Teodoro de Oliveira Fernandes

Médica veterinária. Responsável Técnica - Criadouro Conservacionista da CBMM

1 - INTRODUÇÃO

A Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração fundada em 1955 é uma empresa que tem por objetivo o aproveitamento das reservas de nióbio de Araxá – Minas Gerais. Atua desde a explotação e beneficiamento do minério até a produção de ferronióbio standard, níquel-nóbio, ferronióbio de alta pureza, óxidos diversos de nióbio e nióbio metálico. Seus acionistas são o Grupo Moreira Salles (55%) e a Molycorp Inc. (45%), subsidiária da Unocal Corporation. É a principal fornecedora de produtos finais de nióbio no mercado internacional, sendo a indústria siderúrgica a maior consumidora de nióbio. A CBMM atende à totalidade da demanda nacional de nióbio e exporta seus produtos para 330 clientes de 45 países.

Desde 1992 a CBMM desenvolve um Programa de Educação Ambiental, através da promoção de cursos e palestras para diferentes segmentos da comunidade e de visitas orientadas de alunos e professores de 1o e 2o graus da Rede Escolar de Araxá à empresa e seu Centro de Desenvolvimento Ambiental. Esse Programa propicia estreita interação da empresa com a comunidade.

A consolidação do Programa de Educação Ambiental deu-se em 1997, quando a CBMM formalizou seu Sistema de Gestão Ambiental, conquistando, então, o certificado de conformidade à Norma ISO 14.001 emitido pelo American Bureau of Shipping – ABS. A interação com a comunidade, a prevenção da poluição, o atendimento à legislação aplicável às atividades, produtos e serviços e a proteção da fauna e da flora do cerrado na sua área de atuação industrial, compreendem os principais pontos da Política Ambiental da CBMM, fundamentada nos preceitos do desenvolvimento sustentável.

CENTRO DE DESENVOLVIMENTO AMBIENTAL – CDA

A CBMM mantêm em sua área industrial um Centro de Desenvolvimento Ambiental – CDA, que é integrado pelo Criadouro com Finalidade Conservacionista, por um Viveiro de Mudas e pelo Núcleo de Educação Ambiental. São três os principais objetivos do CDA:

reprodução, pesquisa e conservação de animais silvestres típicos do cerrado, com ênfase para espécies ameaçadas de extinção do Estado de Minas Gerais;
produção de mudas de espécies nativas do cerrado e típicas do Brasil, objetivando a manutenção de suas áreas vegetadas; educação ambiental.


CRIADOURO CONSERVACIONISTA

O Criadouro Conservacionista, regularizado pela Portaria IBAMA 139N/93, é especializado na reprodução de animais do cerrado, com ênfase para as espécies ameaçadas de extinção em Minas Gerais, entre elas, o Lobo Guará, a Ema, o Mutum de Penacho, a Anta, o Tamanduá Bandeira e o Tamanduá Mirim. Atividades científicas também são desenvolvidas no Criadouro, inclusive através da parceria com outras empresas e instituições de pesquisa. O Criadouro da CBMM compreende uma área de 25.600 m2 e abriga atualmente cerca de 350 animais.

Alguns trabalhos desenvolvidos nos últimos anos, através do Criadouro merecem destaque:

- Doação de diversas espécies de animais para outros criadouros, zoológicos e centros de conservação existentes no Brasil e no exterior (desde 1988);

- Participação no Plano de Manejo do Lobo Guará, que tem como objetivos a reprodução desta espécie em cativeiro, a pesquisa sobre a alimentação, comportamento e doenças, além da divulgação dos resultados obtidos (desde 1991);

- Doação de emas e assessoria técnica ao Projeto de Reintrodução de Emas da Mannesmann Florestal S.A., desenvolvido no município de João Pinheiro – MG (1992);

- Doação de uma fêmea de Lobo Guará para o Fossil Rim Wildlife Center ( um centro de reprodução de espécies ameaçadas de extinção localizado no Texas – EEUU ), através do Plano Internacional de Manejo do Lobo Guará (1994);

- Doação de animais para o Projeto de Pesquisa Estudo Preliminar da Varialibilidade Genética de Lobos Guarás realizado pela EMBRAPA em parceria com o Zoológico de Brasília (1996);

- Colaboração no trabalho "Disease Survey in Brazilian Maned Wolves", desenvolvido pela EMBRAPA Recursos Genéticos e Biotecnologia e Universidade de Liverpool (1996);

- Desenvolvimento do Projeto de Reintrodução de Emas na Estação de Pesquisa e Desenvolvimento Ambiental – EPDA Galheiro, em parceira com a CEMIG ( iniciado em 1997 ).

- Doação de Emas para o Projeto Serra Azul da COPASA de reintrodução de emas na região metropolitana de Belo Horizonte (1998);

- Colaboração no Projeto Perfil Sorológico e Avaliação Pós-vacinal de Lobos Guarás para o Vírus da Cinomose e Parvovirose Caninas, do Departamento de Medicina Veterinária Preventiva da EVUFMG (1997 e 1998);

- Redação do capítulo Medicina de Canídeos Silvestres do livro Biology, Management and Medicine of South American Wild Animals – Editor Geral Murray E. Fowler, DVM / editora Iowa State University Press, Ames, Iowa, USA (no prelo).

II.2 VIVEIRO DE MUDAS

O Viveiro de Mudas tem como objetivo a produção de mudas de espécies nativas do cerrado, endêmicas do Brasil e exóticas que são utilizadas no paisagismo da empresa e na manutenção de áreas vegetadas. Possui capacidade anual de produção de 35.000 mudas.

Área de Estocagem de Mudas.

Centro de Desenvolvimento Ambiental - Área de estocagem de mudas e estufas

II.3 EDUCAÇÃO AMBIENTAL

É nesse cenário, integrado pelo Complexo Mínero-Industrial e Centro de Desenvolvimento Ambiental que são desenvolvidos todos os projetos de Educação Ambiental mencionados. Ao longo dos últimos anos, a CBMM em parceria com as Secretarias Municipais de Educação e de Planejamento e Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de Araxá organizou e promoveu cursos e palestras. Estes, na sua grande maioria, foram direcionados aos professores e supervisores das escolas locais e tiveram como objetivo geral a capacitação dos participantes para a implantação e o desenvolvimento de Atividades de Educação Ambiental nas escola onde atuam, servindo também como agentes multiplicadores no processo de conscientização da comunidade.

Cursos Realizados:

1992 – "Curso de Educação Ambiental para Professores e Supervisores da Rede Escolar de Araxá";

1993 - Curso "Educação Ambiental para Professores e Supervisores da Rede Escolar de Araxá";

1994 – Curso "Jardinagem e Paisagismo";

1995 – Curso "Legislação Ambiental";

1996 – Curso "Cientistas do Cerrado";

1997 – Palestra: " Sistema de Gestão Ambiental / ISO 14.001

1998 – Curso "O Bioma Cerrado – Características, Problemas Ambientais e Medidas Conservacionistas".

1999 – Curso "Educação Ambiental e Científica para Professores de Ciências e Geografia do Ensino Básico".
Entre 1992 e 1998, cerca de 7.000 alunos e 300 professores de todas as escolas que integram a rede de ensino de Araxá ( municipal, estadual e particular ) participaram formalmente do Programa de Educação Ambiental destinado às escolas. As atividades são realizadas através de visitas orientadas e incluem aulas práticas de ecologia e atividades lúdicas. O Programa de Educação Ambiental aborda temas ligados ao ecossistema da região e a relação da empresa com o meio ambiente. As atividades realizadas complementam o conteúdo curricular das escolas.

Como subsídios didáticos ao Programa foram publicadas pela CBMM duas cartilhas "O Lobo Kiko e o Cerrado Brasileiro" e "As Aventuras do Lobo Kiko", além dos vídeos "Cerrado – Fauna e Flora" e "Um Dia de Lobo" que abordam temas como a biodiversidade da região e aspectos históricos envolvendo a colonização do cerrado. Essas publicações de caráter didático são distribuídas aos alunos e professores que participam do Programa de Educação Ambiental da empresa, aos visitantes da empresa, à bibliotecas, entidades de classes, zoológicos, centros de educação ambiental, entre outros. Na home page http/www.cbmm.com.br as cartilhas encontram-se disponíveis, bem como é informado o procedimento de como recebê-las em caso de interesse.

RESULTADOS OBTIDOS

De acordo com a avaliação feita pelos professores da Rede Escolar de 1o e 2o graus de Araxá que já participaram do Programa de Educação Ambiental na CBMM, as atividades desenvolvidas produziram os seguintes resultados:

Enriquecimento do conteúdo que vinha sendo trabalhado nas escolas ( fauna do cerrado e preservação do meio ambiente ) e ampliação dos conhecimentos de toda de turma e dos professores;

Oportunidade dos professores e alunos conhecerem a empresa, seus produtos, a aplicação e o mercado do nióbio e o trabalho que ela desenvolve na área ambiental;

Oportunidade de aprendizado através de atividades descontraídas desenvolvidas ao ar livre;

Oportunidade de vivenciar o in loco o contato com as plantas , os animais e com as atividades indústriais ;

Percepção clara, pelos alunos e professores, de que a compatibilização de atividades industriais e desenvolvimento ambiental é possível;

Os alunos comprovaram a importância da preservação através do exemplo;

Percepção da existência do patrimônio de recursos naturais - minerais, vegetais e animais - que possuem à sua volta;

Reflexão sobre os temas relacionados à questão ambiental e sua discussão com os familiares.

Indique este artigo a um amigo

Indique o artigo