Logomarca IETEC

Buscar no TecHoje

Preencha o campo abaixo para realizar sua busca

RH/Liderança/Comunicação

Gerenciamento de projetos - Como formar a equipe certa para seu projeto

Carlos Henrique da Silva

Engenheiro coordenador de obra da Milplan Engenharia, Construções e Montagens Ltda e pós-graduado em Gestão de Projetos

1 Resumo

Com a equipe integrada, é possível atingir níveis de crescimento muito acima das metas, utilizando incentivo, comunicação adequada, respeito, amor e, antes de qualquer ação, escolhendo de forma correta quem faz o que e quando, certificando ao longo do projeto se cada um sabe o que tem de fazer, sabe como fazer, se tem as condições adequadas para fazer e se quer ou gosta de fazer. Todos têm de pensar em como fazer seu papel melhor e de forma mais eficiente e com menos recursos. Não existe uma grande equipe sem um grande líder, este é o grande harmonizador, que tem o dever de conduzir o seu time para vencer obstáculos, superar dificuldades e buscar resultados positivos.

2 Abstract

With an integrated team, it is possible to overcome growth goals, using incentives, proper communication, respect, love and, before any action, choosing correctly who does what and when, certifying along the project if every member of the team knows what to do, how to do it, and if there are adequate conditions, determination or desire to do it. Everyone has to thing about how to fulfill their obligations with higher efficiency and fewer resources. There is not a great team without a great leader, who is the harmonizer, and has a duty to lead the group to positive results, overcoming all obstacles and difficulties.


3 Introdução


“Queridos papai e mamãe,
Olá!
Sinto muitas saudades de vocês.
Isso aqui parece um verdadeiro inferno. Ninguém sabe o que está fazendo. Meus superiores parecem tão perdidos quanto eu.
Assim como gritamos com nossos soldados, eles gritam conosco.
Dizem que temos a melhor tecnologia do mundo e nos mandam novas bombas, novos aviões, novos radares, e nós matamos os inimigos. Mas, no dia seguinte, o inimigo vem e nos derrota de novo. .... Nossos chefes gritam, nos chamam de egoístas, mas nenhum de nós sabe por que está aqui, muito menos o que esperam da gente.
É muito difícil lutar quando não se tem uma razão para isto. Parece, papai, que nosso objetivo é apenas matar quem aparece na nossa frente. .... O meu problema não é lutar, mas ter uma razão para lutar.”
[SHI 95]

Muitas vezes isso acontece no gerenciamento de projetos. São mobilizados recursos humanos e ferramentas, são distribuídas responsabilidades, mas nem todos sabem ao certo os objetivos e metas a serem alcançados. Às vezes, se perguntam: Para que estamos trabalhando?

Dentro do ambiente de gerenciamento é muito importante identificar os aspectos que envolvem a relação entre líder e liderados. Podemos dizer que a equipe, normalmente, é o reflexo de sua liderança, assim como os filhos são reflexos de seus pais.

O processo de formação da equipe se inicia com a indicação do líder, que a partir de algumas premissas irá escolher seu time. E a pergunta é: como escolher o time certo?

Segundo o PMBOK o líder deve observar na formação de sua equipe as características de cada indivíduo, procurando identificar suas disponibilidades, capacidade, experiências, interesse e custo. Isso ajuda a levantar o perfil dos liderados e a certeza de que os recursos humanos mobilizados terminarão o projeto.

Com time certo, envolvido, capacitado, incentivado e treinado, com uma comunicação adequada, é possível atingir níveis de crescimento cada vez mais alto, podendo chegar acima das metas estabelecidas.


4 Como Formar a Equipe Certa para seu Projeto


4.1 Perfil do Líder


Há lideres que se desesperam quando os obstáculos começam a aparecer. Não têm sabedoria suficiente para compreender que as dificuldades fazem parte das grandes conquistas.

Um líder não precisa ser um super-herói, no entanto, ele precisa entender quando é que as coisas não estão indo bem ou não estão funcionando adequadamente, e solicitar ajuda.

A palavra líder no dicionário da língua portuguesa quer dizer indivíduo que chefia, orienta, guia, conduz. Chesty Puller, considerado por muitos como “Mr. Marinha”, declarou uma vez que o corpo da marinha necessitava de homens que pudessem liderar, e não comandar. Um comandante diz às pessoas o que fazer, um líder mostra o que fazer através do próprio exemplo.

O líder precisa desenvolver suas habilidades interpessoais de tal forma, que os membros da sua equipe aumentem a cada dia a cooperação e ajudem a reduzir os problemas da organização.

Vejamos algumas qualidades necessárias em um líder:

• Persistência e iniciativa: não desiste tão facilmente. Não abandona e foge diante do primeiro sinal de problema, nem pára diante dos obstáculos. Caminha com entusiasmo, tem uma atitude positiva, é dedicado e tem coragem. Não espera alcançar o alvo de maneira fácil, como se apenas pudesse deslizar, escorrer pelo monte ou navegar em águas tranqüilas.

• Estável: o líder vive sob pressão. Pressões que vem de todos os lados, de todos os tipos de pessoas, pressão positiva e negativa. As pressões comuns da vida sempre virão sobre o líder: pressões financeiras, familiares, enfermidades prolongadas, etc. A estabilidade é uma das qualidades fundamentais na vida de um líder, e ela existe quando ele acredita e se mantém firme na sabedoria e no controle da situação. A confiança é a chave da estabilidade.

• Capacidade Organizacional: Ele consegue unir as pessoas em sua equipe. Sabe que, trabalhando juntos, se forem unidos e organizados, os alvos serão alcançados.
“Nenhum de nós é mais competente sozinho do que todos nós unidos e motivados.” [SHI 95]
Organização pessoal é algo que se pode aprender. Vejamos algumas chaves que poderão ajudar o líder a se organizar:

a) Ter uma visão realista de sua própria capacidade;

b) Ter capacidade de realizar o que quiser obedecendo a ordem de importância;

c) Ter o bom senso para planejar o tempo e flexibilidade para os imprevistos;

d) Definir seu trabalho em termos específicos, dividindo-o em unidades funcionais e realizáveis;

e) Preencher os cargos mais importantes com membros mais treinados;

f) Examine cada membro, para certificar que estão conseguindo realizar a parte que lhes foi designado.

• Ser Crítico e Criativo: As duas qualidades estão colocadas lado a lado, por estarem relacionados entre si, ainda que algumas pessoas tenham apenas uma delas. A mente critica, é capaz de inovar e apresentar novas idéias. Já a mente criativa tem de fazer duas coisas: ter um bom senso para escolher a melhor entre as dez novas idéias que lhe fervilham a mente, e implementá-la imediatamente. Se a mente julgadora for dominante, o líder será alguém estável, pensador, metódico e produtivo. Se o traço criativo sobressai, o líder usará seu faro para tomada de decisões.

• Ser um Integrador: o líder precisa conhecer cada membro da sua equipe. Seus sonhos, metas, aspirações, hobbies, um pouco da história de vida de cada um. A integração facilita a comunicação, cria relacionamentos e cumplicidade. Cumplicidade é ter metas em comum. O bom líder sabe que cada pessoa tem seu tempo, seu rítimo. Ele precisa aceitar as diferenças, evitar o julgamento e criar um ambiente de confiança.


4.2 Forme o Time Certo


• Estabeleça com clareza a missão: a equipe do projeto tem que conhecer o rumo a seguir e os objetivos da empresa. Antes de qualquer ação, o lider tem que dividir com seu time os objetivos e a missão maior da empresa.

• Defina a visão: os melhores resultados em projetos são obtidos através da sinergia entre os membros da equipe. Um ambiente de projeto, onde existe um espírito de competição entre as equipes, a visão se torna difusa, e é difícil a compreensão do caminho a seguir.

• Defina os planos e processos: os planos precisão ser postos em prática, pois cada atividades a ser desenvolvida necessita de pessoas diferentes, combinações variadas de habilidades e comportamento. Os planos devem ser decompostos de forma que seja possível gerenciar o processo de identificação das competências dos membros da equipe.

• Harmonize e inter-relacione a equipe: será fundamental harmonizar e inter-relacionar o trabalho de cada equipe de forma a viabilizar o cumprimento do plano. O conhecimento de cada membro de equipe, seus sonhos, metas, aspirações, hobbies e história de vida, são fundamentais. A integração também facilita a comunicação, cria realacionamentos e cumplicidade.

• Defina as habilidades de cada membro: defina o perfil comportamental necessário para o cumprimento de cada processo. Defina os comportamentos desejados e não desejados, visando estabelecer as demandas comportamentais. O bom líder sabe que cada pessoa tem seu tempo, seu rítimo e cabe a ele definir qual o processo e tarefa são realmente adequados para cada membro.

• Exerça uma comunicação eficaz: a coisa mais importante na comunicação é ouvir o que não está sendo dito, segundo Peter F. Drucker. Comunicação eficaz acontece quando a mensagem enviada é recebida e entendida conforme pretendia o emissor. Para isso os membros da equipe deverão desenvolver suas habilidades de comunicação de forma a ouvir atentamente, pensar objetivamente, discutir abertamente, desenvolver sensibilidade e responder rapidamente às necessidades em evidência.

• Mantenha a satisfação do time: não é somente a remuneração que atraem e retêm os talentos, é a capacidade de desafiar, criar oportunidades e sentimento de causa que formam grandes equipes. Conhecer os valores de cada membro é de vital importância para construir um ambiente de trabalho e de relações pessoais que propiciem a satisfação profissional. Não basta realizar promoções internas, o líder deve traçar um plano de gerenciamento de talentos e criar planos de sucessão, de forma que os membros da equipe estejam preparados para novas responsabilidades.

• Faça-se um líder: o líder é o maior exemplo e suas condutas são o reflexo de outras, ele é o grande maestro ou terrorista do ambiente. Desenvolva sua equipe, aprimore à suas habilidades e do seu time. Trabalhe buscando sempre os resultados, mas nunca se esqueça do respeito, espírito de união e a cooperação entre todos. Indique o caminho, estimule-os a vencer obstáculos, a superar tormentas e celebrar as conquistas.


5 Referências Bibliográficas


TAVARES, Clóvis. Água mole em pedra dura tanto bate até que... São Paulo: Editora Gente, 2001. 134p.

HENRICHSEN, Walter A. Discípulos são feitos, não nascem prontos. 1.ed. Belo Horizonte: Atos, 2002. 144p.

SHINYASHIKI, Roberto T. A revolução dos campeões. 1.ed. São Paulo: Editora Gente, 1995. 179p.

MEYER, Joyce. A formação de um líder. 2.ed. Belo Horizonte: Sografe, 2006. 383p.

GERVÁSIO, Soraya. Apostila Gestão dos Recursos Humanos. IETEC 2007.

GUIA PMBOK. Um guia do conjunto de conhecimento em gerenciamentos de projetos. 3ª ed. Project Management Institute, Four Campus Boulevard, 2004.

Indique este artigo a um amigo

Indique o artigo