Logomarca IETEC

Buscar no TecHoje

Preencha o campo abaixo para realizar sua busca

Tecnologias

Passivo ambiental da indústria é estimado em R$ 5 bilhões

Comunicação Ietec

 

 
Contrariando todas as medidas de segurança ambiental, algumas empresas, principalmente as pequenas indústrias, ainda destinam parte dos seus rejeitos em lixões a céu aberto, o que acaba provocando contaminações no solo e lençol freático. O alerta é da Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos, a Abetre.
 
A atenção com os resíduos industriais acabou por incluir novos temas nas reuniões entre gestores como normatização, licenciamento e controle ambiental e políticas para o gerenciamento destes passivos.
 
Ao discutirem estratégias capazes de interromper os danos que seus resíduos causam ao meio ambiente, algumas empresas têm descoberto exatamente em medidas sustentáveis a oportunidade de grandes negócios.
 
A mesma conclusão chegou a Federação das Industrias de São Paulo (Fiesp) quando, em 2006, previu que o tratamento e disposição final de resíduos industriais é um dos segmentos da área de saneamento ambiental que deve apresentar maior crescimento nos próximos anos.
 
Para a engenheira ambiental e instrutora do Ietec, Daniela Cavalcante Pedroza, as empresas, aos poucos, vem incorporando medidas eficazes que se referem à gestão de seus resíduos: “Existe uma preocupação maior do empresariado neste aspecto, principalmente porque temos uma rígida legislação ambiental que os obriga a uma adequação”.
 
Para ela, o grande desafio das empresas é incorporar a cultura do tratamento final de resíduos nas ações de negócio: “Este é um movimento que ainda encontra resistência em algumas empresas, apesar da maioria delas já terem consciência do impacto positivo que uma gestão de resíduos tem para a imagem institucional”.
 
Na opinião da gerente de qualidade e meio ambiente da Intercast, Fabiana Amaral, a eficiência nas estratégias que visam o gerenciamento de resíduos começa com o envolvimento de todos os profissionais. Para isto, é necessário investir em uma mudança na cultura organizacional e na capacitação dos colaboradores.
 
“Eliminar os resíduos nem sempre é possível. Portanto, é de fundamental importância que estes passem por um processo de gerenciamento que inclua o monitoramento e o correto manuseio destes materiais. Toda empresa comprometida com o meio ambiente busca desenvolver estratégias sustentáveis. Este é o nosso grande desafio”, afirma a gerente.

Indique este artigo a um amigo

Indique o artigo