Logomarca IETEC

Buscar no TecHoje

Preencha o campo abaixo para realizar sua busca

:: Gestão e Tecnologia Industrial

Gestão de custos é desafio para 67% dos negócios em 2010

Financial Web
Financial Web

Com o aumento da concorrência no ambiente de negócios brasileiro, em parte pela concentração de alguns segmentos e pelo ingresso de investimentos estrangeiros no País, o maior desafio a ser enfrentado pelas companhias em 2010 é a gestão de custos, elevando competitividade. Segundo pesquisa da Deloitte, este fator foi apontado como preocupante para 67% dos executivos. 

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece na comunidade financeira? Assine gratuitamente a nossa newsletter diária e receba os destaques em sua caixa de e-mail.    

Mesmo com a expectativa de alta no ingresso de corporações estrangeiras, a administração da concorrência doméstica é o segundo maior obstáculo a ser superado no próximo ano, para 53% dos entrevistados. Ainda para se tornar mais atraente aos olhos dos investidores e credores, ganho de governança corporativa vem em terceiro lugar no ranking de preocupações. Esta será uma aposta de 35% dos executivos, enquanto para 2009, apenas 27% anunciaram desembolsos na área.  
 
“A percepção das empresas nesse segmento mudou muito por conta da crise, pois grande parte delas teve de se reestruturar ou desfazer de parte de seus negócios. Se tivessem investido em governança corporativa mais cedo, provavelmente teriam passado por um período menos turbulento”, analisou o sócio-líder de Corporate Finance da Deloitte, José Paulo Rocha.  
 
Dentre os maiores desafios para 2010, a gestão da concorrência por competidores globais aparece em quarto lugar do ranking na pesquisa, com 34% das respostas. “O mundo está de olho no Brasil, seja para compras e aquisições ou para participar de um negócio. Isso é um reflexo da expectativa do mercado internacional, que acredita no potencial de crescimento do País”, explicou Rocha.  
 
Para driblar as dificuldades esperadas para o próximo ano, as companhias deverão se concentrar nos negócios principais, de acordo com 65% dos gestores. Já o foco no relacionamento com os consumidores é a meta de 75% dos empreendimentos. 

Indique este artigo a um amigo

Indique o artigo